Ultimas postagens.

sábado, 28 de abril de 2018

Santarém: Jovem reabilitado ajuda menores infratores de Santarém; 'o trabalho foi árduo, mas necessário', diz.

Foi expulso de várias escolas devido aos atos infracionais que acabava cometendo, e internado na Fasepa após comer a 42ª infração.


O teólogo e mais novo estudante do curso de Direito, Waleson Farias, 25 anos, conta que passou dias difíceis até chegar à Fundação de Atendimento Socioeducação do Pará (Fasepa). Já tinha cometido mais de 40 atos infracionais. Reabilitado, agora ele busca ajudar menores infratores compartilhando um pouco da sua história.

Nos dias 26 e 27 de abril, Walesson, participou de um debate sobre o atendimento a adolescentes e jovens em conflito com a lei, realizado no auditório da Estação Cidadania de Santarém, oeste do Para. Na ocasião, ele contou o quanto o trabalho socioeducativo foi importante, e mudou a sua vida.

O estudante chegou na unidade com ensino médio incompleto. Foi expulso de várias escolas devido aos atos infracionais que acabava cometendo ao decorrer do curso. Foi internado na Fasepa após comer a 42ª infração.

“Nós primeiros meses não foi fácil! O trabalho comigo foi árduo e difícil, mas necessário. Foi ali que passei a ter uma nova visão do mundo. Retomei meus estudos, fiz cursos e hoje contribuo com a equipe na socioeducação lá dentro”, contou.

O adolescente J. de 18 anos, está internado na Fasepa desde novembro de 2017. Seu período de internação termina no início de maio. Em entrevista ao G1 ele disse que está ansioso para voltar para casa e aplicar tudo que aprendeu na Unidade. Prometeu que vai estudar e realizar um sonho. “O meu sonho é ser Militar do Exército, o meu e do meu pai”, compartilhou.

Fasepa

Atualmente, as duas unidades da Fasepa de Santarém contam com 66 adolescentes custodiados, sendo 12 cumprindo medida de internação provisória, 46 em medida de internação e outros oito em medida socioeducativa de semiliberdade.

Port@l do Oeste News
G1 Santarém